quinta-feira, 1 de abril de 2010

Em voo solo, vocal do Fresno canta em inglês o que não diria em português

Em um período de dez dias de intervalo nos trabalhos de sua banda Fresno, o guitarrista e vocalista Lucas Silveira gravou seu primeiro álbum solo, “The rise and fall of Beeshop”. O disco junta composições feitas entre 2006 e 2009, sob a alcunha de Beeshop. “Tudo começou quando eu tinha um fotolog. Eu fazia uns desenhos, fotografava, contando histórias que aconteciam comigo, e o bonequinho que eu desenhava era o Beeshop, eu gostava do nome. É com esse alter ego que eu experimento várias formas de cantar, várias formas de compor”, explica Lucas em entrevista por telefone ao G1. Diferentemente do Fresno, que conta com letras em português, Lucas canta em inglês no seu trabalho solo. “Eu comecei a fazer as músicas em inglês e percebi que nelas eu me sentia mais livre para usar um tipo de metáfora que em português eu teria vergonha de cantar”, conta.

Nenhum comentário: